Retinopatia Diabética: o que é e como evitar

A retinopatia é uma das possíveis consequências de uma diabetes em descontrole e é uma das principais causas da cegueira no mundo. A doença afeta a visão do paciente e se caracteriza por uma lesão na retina devido às complicações da diabetes. Entenda o que é e como evitar a Retinopatia Diabética.

Retinopatia Diabética o que é e como evitar (Foto: Divulgação)
Retinopatia Diabética o que é e como evitar (Foto: Divulgação)

Retinopatia Diabética: o que é e como evitar

A retinopatia diabética acontece quando, por conta do excesso prolongado de açúcar no sangue, há um acúmulo de material anormal nas paredes dos vasos sanguíneos (região chamada de “fundo de olho”), o que, por sua vez, pode entupir ou enfraquecer esses vasos, levando ao seu rompimento e a danos à retina – região do olho onde ficam as células que recebem a luz, processam as imagens e encaminham as informações até o cérebro.

Esse mal te deixa ruim da vista (Foto: Divulgação)
Esse mal te deixa ruim da vista (Foto: Divulgação)

Confira mais informações sobre: Porque a diabetes é silenciosa: entenda

Inicialmente, o portador de retinopatia diabética pode sentir a visão embaçada e, caso não seja controlada e tratada adequadamente, a condição pode evoluir para a perda parcial ou total da visão. Por conta disso, os pacientes diabéticos têm 25 vezes mais chances de perder a visão do que as pessoas não-diabéticas. Além disso, pesquisas apontam que a retinopatia atinge 75% dos diabéticos que possuem a doença há mais de 20 anos.

Problema de visão pode indicar diabetes (Foto: Divulgação)
Problema de visão pode indicar diabetes (Foto: Divulgação)

Confira também: Diet e light: diferenças, qual é adequado ao diabético

Tratamento

A retinopatia pode ser revertida por meio da fotocoagulação por raios laser, tratamento onde pequenas áreas da retina danificada passam por um processo de cauterização para tentar prevenir a hemorragia. Para ser eficaz e garantir melhores resultados, o procedimento deve ser realizado na fase inicial do problema, por isso a importância do diagnóstico precoce.

A figura a dua direita é a forma como a pessoa com esse mal enxerga (Foto: Divulgação)
A figura a dua direita é a forma como a pessoa com esse mal enxerga (Foto: Divulgação)

Prevenção

A melhor forma de evitar a retinopatia é manter a diabetes sob controle, ou seja, seguindo o tratamento médico à risca, adotando hábitos de vida saudáveis, com uma alimentação equilibrada e a prática regular de atividades físicas. Além disso, abandonar hábitos como cigarro e bebidas alcoólicas em excesso são fundamentais para controlar os níveis de glicemia dentro dos parâmetros considerados normais, evitando-se complicações e o surgimento de problemas como a retinopatia.

Tenha cuidado com a diabetes sempre (Foto: Divulgação)
Tenha cuidado com a diabetes sempre (Foto: Divulgação)

Outras medidas também contribuem para a prevenção da retinopatia, como o uso de remédios para pressão alta e colesterol elevado, caso o paciente sofra com esses problemas. Tudo isso, claro, deve ser conversado com o médico de confiança e indicado por ele. Outro ponto que vale ressaltar: por conta do maior risco do diabético apresentar problemas nos olhos, é fundamental se consultar frequentemente com médico oftalmologista para acompanhar a saúde dos olhos e detectar precocemente qualquer alteração.

 

/* */