Quiabo no tratamento do diabetes: como usar

O diabetes tem se alastrado no mundo inteiro, inclusive no Brasil. Somente no País, a doença tem matado mais do que a Aids. Esse quadro serve para alertar a população quanto à prevenção e controle do diabetes. Para reforçar esses cuidados, é comum surgirem sempre formas alternativas de tratamento, como alguns alimentos, plantas ou chás. Um exemplo disso é o quiabo, que tem se mostrado um grande aliado dos diabéticos. Mas importante: nada substitui o tratamento indicado pelo médico e o estilo de vida saudável, obrigatório para os diabéticos. Entenda como usar Quiabo no tratamento do diabetes.

Quiabo no tratamento do diabetes como usar (Foto: Divulgação)
Quiabo no tratamento do diabetes como usar (Foto: Divulgação)

Quiabo no tratamento do diabetes: como usar

De acordo com um estudo realizado em 2012 pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) em parceria com o Instituto Agronômico de Campinas, o quiabo ajuda a diminuir a absorção de açúcares ingeridos e, por isso, também diminui os níveis de glicose. Baseados nessa pesquisa, que foi realizada com farinha de quiabo em camundongos, alunos de Patos de Minas estudaram a eficiência desse alimento no controle da doença em humanos, adaptando a farinha pela baba do alimento misturada com água.

Confira também: Diet e light: diferenças, qual é adequado ao diabético

Coma quiabo cozido e tenha mais saúde (Foto: Divulgação)
Coma quiabo cozido e tenha mais saúde (Foto: Divulgação)

Quiabo possui muitas fibras

Os estudos apontaram que a baba do quiabo tem alto teor de fibras e uma dieta rica em fibras diminui a absorção de carboidratos (açúcares), controla os níveis da glicemia e aumenta a sensação de saciedade, assim o paciente não fica com tanta fome. Esse benefício aos diabetes é reconhecido na batata yakon, por exemplo.

O quiabo pode te ajudar muito (Foto: Divulgação)
O quiabo pode te ajudar muito (Foto: Divulgação)

Consuma água de quiabo

Durante a pesquisa, os estudantes perceberam que a água de quiabo ajuda no controle dos índices glicêmicos, mas vale ressaltar que nenhum dos participantes abandonou o acompanhamento médico e o uso dos medicamentos adequados. E ainda: a pesquisa tem caráter apenas experimental, ou seja, nada foi verdadeiramente comprovado cientificamente.

Muitos não gostam da textura do quiabo, mas existem muitas maneiras de fazer essa delícia (Foto: Divulgação)
Muitos não gostam da textura do quiabo, mas existem muitas maneiras de fazer essa delícia (Foto: Divulgação)

Confira mais informações sobre: Porque a diabetes é silenciosa: entenda

Não substitua remédios pelo quiabo

Portanto, esse tipo de alimento é auxiliar ao tratamento convencional e nunca deve ser substituto. O consumo de quiabo é livre por conta dos benefícios aos diabéticos, mas não deve ser usado isoladamente como tratamento. As recomendações médicas, uso adequado de remédios, dieta balanceada, controle de peso, atividades físicas regulares e hábitos saudáveis são os fatores que realmente funcionam.

Teste várias receitas com quiabo e sinta a diferença entre elas e como gosta mais de consumir essa delícia (Foto: Divulgação)
Teste várias receitas com quiabo e sinta a diferença entre elas e como gosta mais de consumir essa delícia (Foto: Divulgação)

Anote a receita da água de quiabo

  1. Lavar dois quiabos e cortar as pontas.
  2. Cortá-los ao meio e colocá-los em um copo de água.
  3. Deixar descansar de 8 a 10 horas, no período da noite.
  4. Retirar os quiabos e beber a água na manhã seguinte.

 

/* */