Como viver com diabetes: dicas úteis para o dia a dia

O diabetes é uma doença crônica que, apesar de não ter cura, pode ser controlada através de um estilo de vida saudável e alguns cuidados com o tratamento, como o uso correto da medicação e da ida constante ao médico. Ou seja, é perfeitamente possível conviver com ela. Mas é preciso estar alerta cotidianamente, por isso preparamos este post para você saber como viver com diabetes: dicas úteis para o dia a dia.

Como conviver com esse mal e muito bem é o que vamos te ajudar a ver (Foto: divulgação)
Como conviver com esse mal e muito bem é o que vamos te ajudar a ver (Foto: divulgação)

Saiba mais informações sobre: Diabetes tem cura? tratamentos

Como viver com diabetes: dicas úteis para o dia a dia

O diabetes atinge milhares de pessoas ao redor do mundo e muitas delas nem sabem que possuem a doença. Para manter a qualidade de vida do paciente, é preciso, além de conhecer suas causas e consequências, aprender a conviver bem com ela. Tendo consciência sobre o que deve e o que não deve fazer durante o seu dia a dia, o diabético consegue controlar melhor os seus efeitos e, assim, tornar a convivência com ela menos penosa.

Aprenda técnicas para conviver com a diabetes (Foto: Divulgação)
Aprenda técnicas para conviver com a diabetes (Foto: Divulgação)

Atividades físicas é mais que essencial

Hábitos saudáveis, que envolvam atividade física regular e alimentação equilibrada, são essenciais tanto na prevenção como no controle do diabetes – além da obediência às orientações médicas. Confira a baixo algumas dicas que ajudam a melhorar a vida de quem tem diabetes.

Confira também: Como controlar a diabetes

Não tenha dores de cabeça com a diabetes (Foto: Divulgação)
Não tenha dores de cabeça com a diabetes (Foto: Divulgação)

Veja 7 dicas para controlar a diabetes

  1. Manter uma alimentação saudável, rica em legumes, frutas, verduras e fibras. Além disso, os diabéticos devem evitar o consumo de álcool e de açúcares simples (presente em doces e carboidratos simples, como massas e pães).
  2. Pratique atividades físicas com regularidade, como correr, caminhar, nadar e pedalar. Exercícios físicos são essenciais para controlar os níveis de açúcar no sangue a afastar os riscos de ganho de peso. O ideal é praticá-los de três a cinco vezes na semana, sempre com orientação de especialista.
  3. Siga regularmente o tratamento indicado pelo médico, tomando os medicamentos de forma rigorosa, sem automedicação e sem suspender o uso por conta própria. Se for o caso de diabetes tipo 1, que necessita de injeção de insulina com frequência, o paciente pode optar por um material específico (menor e de silicone) que causa menos desconforto.
  4. Teste sempre a glicemia capilar, conforme a prescrição médica. Se a taxa der alterada, é sinal de alerta, então procure o seu médico. Valores muito altos (>200 mg/dl) e muito baixos (< 60 mg/dl).
  5. Consulte-se periodicamente com seu endocrinologista e oftalmologista, sempre lembrando-os sobre a sua condição e quais medicamentos está usando.
  6. Controle sempre a sua pressão arterial e procure reduzir o sal da dieta alimentar.
  7. Controle o estresse, pois pessoas com diabetes têm mais chances de desenvolver ansiedade e depressão, o que pode causar em um descuido no tratamento, no controle do nível de açúcar no sangue, aumentando o risco de complicações.

 

/* */