7 mitos sobre diabetes

O diagnóstico do diabetes geralmente vem acompanhado por dúvidas sobre suas causas, tratamento e formas de controle. As perguntas sobre “o que pode e o que não pode” acabam criando inverdades em torno da doença e que devem ser esclarecidos para não gerar desinformação. Por isso, separamos 7 mitos sobre diabetes para você conhecê-la melhor.

7 mitos sobre diabetes (Foto: Divulgação)
7 mitos sobre diabetes (Foto: Divulgação)

7 mitos sobre diabetes

O diabetes é uma disfunção metabólica crônica ocasionada por uma deficiência de insulina. Este hormônio, produzido naturalmente pelo pâncreas, é responsável por metabolizar o açúcar que entra no nosso sangue através da alimentação para que seja usado como fonte de energia pelo organismo. Sem a insulina, o açúcar não é metabolizado e acaba se acumulando na corrente sanguínea. Conheça 7 mitos sobre diabetes.

Diabetes tipo 1 é mais grave

Diabetes tipo 1 é mais grave: o nível de gravidade do diabetes não depende do tipo. Seja do tipo 1 ou tipo 2, a doença pode ser controlada e o paciente pode garantir qualidade de vida. Acontece que o tipo 1, geralmente, se desenvolve mais cedo (crianças e adolescentes) e exige a aplicação de insulina.

7 mitos sobre diabetes que você tem que saber (Foto: Divulgação)
7 mitos sobre diabetes que você tem que saber (Foto: Divulgação)

Diabetes é contagioso

Diabetes é contagioso: diabetes não passa de pessoa para pessoa. O que existe é uma predisposição genética e não uma transmissão. Há mães diabéticas, por exemplo, que têm filhos totalmente saudáveis.

Insulina causa dependência química

Insulina causa dependência química: a aplicação de insulina não causa nenhum tipo de dependência, seja ela química ou psíquica. Os pacientes com diabetes tipo 1 são insulino-dependentes por ser uma necessidade vital, pois ele precisa do hormônio para sobreviver.

Canela ajuda a controlar a doença

Canela ajuda a controlar a doença: alguns estudos preliminares apontam que o consumo de canela pode ajudar no controle dos níveis de glicose, mas nada foi comprovado cientificamente ainda.

Cuide mais da sua saúde (Foto: Divulgação)
Cuide mais da sua saúde (Foto: Divulgação)

Diabético pode consumir açúcar mascavo, caldo de cana e mel à vontade

Diabético pode consumir açúcar mascavo, caldo de cana e mel à vontade: esses três alimentos são naturais, mas possuem sacarose, um tipo de açúcar que é inimigo dos diabéticos se consumido em excesso.

Queijos, ovos e carnes podem ser consumidos sem controle

Queijos, ovos e carnes podem ser consumidos sem controle: as pessoas pensam que, por não possuírem açúcar, esses alimentos podem ser consumidos à vontade. Errado. Apesar de não serem fontes de carboidratos, eles são ricos em proteínas e gorduras – estes elementos, se consumidos em excesso, interferem na glicemia. Além disso, podem afetar o colesterol e o peso.

Coma melhor (Foto: Divulgação)
Coma melhor (Foto: Divulgação)

Diabéticas não podem engravidar

Diabéticas não podem engravidar: é perfeitamente possível uma mulher diabética manter uma gravidez saudável. Para isso, ela precisa seguir rigorosamente as orientações médicas, com uma dieta equilibrada e prática regular de exercícios físicos para controlar o peso e os níveis de glicose. Além de uma gravidez tranquila, ela pode, sim, ter filhos totalmente saudáveis e sem diabetes.

/* */